A Drenagem Linfática Na Gravidez

February 2, 2013 by admin Leave a reply »

A drenagem linfática na gravidez costuma ser muito indicada, porque é uma fase na vida da mulher em que a retenção de líquidos é marcante. Isso ocorre porque para a geração do bebê, o corpo da mãe necessita aumentar o volume de sangue em quase cinquenta pontos percentuais, o que faz os líquidos dos capilares transbordarem e causarem inchaço. Se houver um grande trasbordo para o corpo, o organismo não consegue fazer a coleta e eliminar pela urina todo esse líquido disperso.

Assim, há um acúmulo de componentes sujos que ficam perdidos e causam a intoxicação, que percebida pelo organismo acaba por gerar excessivas respostas nervosas, o que faz a mulher ficar irritada e nervosa. A drenagem linfática feita durante a gravidez necessita de alguns cuidados e adaptações fundamentais para o benefício da gestante, por isso somente pode ser feita por um profissional especializado em grávidas. É necessária uma prescrição médica para começar o tratamento, o que não é preciso em outras circunstâncias.

Não são recomendadas a fazer a drenagem linfática, grávidas que não tenham hipertensão controlada, que tenham insuficiência renal infecções de pele, trombose venosa profunda ou erupções cutâneas. A drenagem linfática atua no período pós-parto como auxiliar no retorno da forma física porque diminui a retenção de líquidos, previne a celulite e estimula o metabolismo. Tomar chá verde ajudar a estimular o metabolismo, porque incentiva o organismo a gastar mais energia e já que não suprime apetite e nem é neurotransmissor não causa alterações. A drenagem apenas desincha, ela não emagrece, para emagrece mesmo é necessário fazer acompanhamento com uma nutricionista.

Advertisement

Leave a Reply